Bolo da vez

Bolos sempre me fascinam…

Bolo pra mim é quase sinônimo de teimosia. É uma daquelas coisas que eu fazia, fazia e fazia e acabava virando lanche dos dogs.

Até que a Dona Jercina, ‘vó adquirida’, me ensinou a fazer. E de pouco em pouco foram desenrolando e se tornando numa coisa que gosto de fazer.

Os estudos consolidaram um pouco o conhecimento e passei a entender coisas que eram intuitivas à definições mais científicas. Tipo, a explicação de não misturar um bolo em excesso é para não desenvolver o glúten, a mesma estrutura elástica que é desejada nos pães. Pelo mesmo motivo, muitos bolos levam algum tipo de gordura, pois esta inibe o glúten (por isso que os bolos de liquidificador usam tanto óleo!). E por isso também que se peneira a farinha, para que ela fique mais fácil de misturar e não deixe a estrutura elástica formar.

Faço meus bolos de uma maneira muito metódica, super caxias. Preciso da balança, da peneira, os utensílios… E não posso esquecer a rezinha antes de colocar no forno: primordial.

Abaixo estão algumas fotos de tendências na decoração de bolos do site Saveur:

O bolo moderno, como tantas coisas atualmente, é minimalista.

Tem sua estrutura e borda bem definidas.

Os que são mais altos que largos geralmente são mais formais que a proporção inversa.

As decorações são cada vez mais naturais, sempre comestíveis e as assimétricas estão super na moda.

Hoje em dia, o prato ou pedestal também fazem parte da decoração.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: